Sabe aquela cozinha que você achou maravilhosa mas não sabe dizer exatamente o que tornou a decoração tão elegante? É a iluminação.

 

Já falamos aqui no blog da Casinha Bonita sobre a altura ideal para instalar seu lustre ou pendente. Agora vamos falar sobre os tons de luz mais indicados para deixar sua casa linda e iluminada!

A luz tem papel fundamental em qualquer projeto de arquitetura. É capaz de trazer a sensação de aconchego, descanso e relaxamento, bem como concentração, foco e precisão. Ao investir na iluminação os erros mais comuns são exagerar na quantidade de fontes de luz, utilizar luzes com cores impróprias ou conter-se demais e deixar a iluminação fraca e simplória.

É importante ter noções da iluminação adequada para cada local da sua casa ainda que você contrate um arquiteto para construir & reformar ou simplesmente dê uma repaginada em um ambiente do seu lar. Vamos te ajudar com isso! Para tal, precisamos entender alguns conceitos sobre a temperatura de cor.

Quando se fala em decoração, a luz quente ou fria não se refere à temperatura da lâmpada e sim à temperatura de cor a qual a luz representa, ou seja, a aparência da luz emitida por alguma fonte. A unidade de medida da temperatura de cor é o Kelvin (K).

Quanto mais amarelada é uma luz, menor seu número na escala Kelvin. Quanto mais branca e azulada for a luz, maior seu número na escala Kelvin. Veja abaixo uma imagem que mostra a escala Kelvin e suas luzes correspondentes:

Como aplicar esse conceito ao ambiente? Confira as temperaturas de cor indicadas para cada ambiente e outras dicas para iluminar corretamente a sua casa.

Quarto

O quarto é um local de descanso e aconchego, o que pede uma iluminação mais amarelada. Procure luzes centrais perto de 2700K e, se quiser iluminar outros pontos como a cabeceira da cama ou nichos, a fita de LED é uma boa opção. Para quem tem sanca com pontos de luz difusos, a recomendação é tentar se aproximar de 3000K.

Cozinha

O coração da casa deve ser bem iluminado, propiciar uma sensação de limpeza e induzir a atenção, por isso a recomendação é investir na luz geral em torno de 5000K.  O charme da cozinha fica por conta das luzes de LED debaixo dos armários aéreos, é isso que ressalta os revestimentos das paredes e dá um tom elegante ao cômodo. Se você tem bancada ou ilha, instale um ou mais pendentes por cima delas fazendo uma composição.

 

Sala de jantar

A sala de jantar é controversa. Algumas pessoas podem se sentir desconfortáveis com a escassez de luz durante uma refeição enquanto outras acham muito agradável. Arquitetos costumam defender a iluminação centrada apenas na área da mesa e das cadeiras e a utilização de lâmpadas amarelas em torno de 2000 e 3000K.

Gostou do lustre? Clique aqui para conhecer os lustres em Rosé Gold da Casinha Bonita

Quer estes pendentes? Conheça os pendentes Maia da Casinha Bonita

E esse pendente maravilhoso? A Casinha Bonita tem em 3 cores diferentes, clique aqui para conhecer!

Escritório

Local que requer atenção, foco e concentração, por isso uma luz neutra, levemente azulada, é a ideal. Instale luzes entre 5000 e 6000K. O escritório tem sua decoração complementada com luminárias e abajures.

Você já conhece os lustres, pendentes e arandelas da Casinha Bonita? Abaixo temos algumas sugestões. Caso queira conhecer toda a nossa variedade, clique aqui.

 

 

Sala

Tente diversificar a iluminação desse ambiente. Além de uma luz geral, você pode iluminar mesas de centro e laterais com pendentes e abajures. Spots poderão direcionar a luz para quadros e outros objetos decorativos. Evite iluminar sofás e pufes com luz direta para que as pessoas não fiquem desconfortáveis. Aposte na luz neutra, em torno de 4500K.

Banheiro

Cômodo que necessita de pelo menos dois tipos de iluminação diferentes. Em primeiro lugar, a iluminação geral para todo o ambiente, preferencialmente branca, acima de 5000K. E também uma iluminação focada no espelho, a qual pode ser na parte de trás com o uso de fitas de LED ou nas laterais com lâmpadas e arandelas, por exemplo. Para a luz do espelho recomenda-se uma temperatura de cor entre 3000 e 3500K.

Pendentes e arandelas para iluminar o banheiro: clique aqui para conferir.

Gostou desse pendente? Compre aqui.

Lavanderia

Segue o mesmo princípio da cozinha, que deve ser bem iluminada e com luz que retrate a cor real das roupas e objetos de limpeza. Por ser o ambiente mais simples em muitas residências, a iluminação central geralmente é o suficiente. No entanto, quando a área de serviço fica junto com a cozinha, é possível criar uma iluminação bacana com fitas de LED para destacar os armários e spots direcionando a luz para o tanque. Aposte em luzes em torno de 5500 e 6000K.

Gostou das pastilhas metálicas? Veja aqui a Pastilha de Inox Encanto.

Halls e corredores

Aqui a cor da luz fica em segundo plano, já que o mais importante é trazer um ar de movimento e harmonia. Isso pode ser feito com o uso de lâmpadas, abajures, fitas de LED, spots, arandelas, pendentes e afins colocados no início & final do corredor ou ao longo de todo o percurso.

Escadas

Seguem o mesmo princípio dos halls e corredores, no qual a cor da luz fica em plano secundário e o foco se torna a estética e a harmonia trazida pela iluminação, tanto na luz da cor branca quanto amarela. Mas atenção, as luzes da área da escada devem ser eficazes o suficiente para deixar os degraus bem sinalizados e evitar acidentes.

Arandelas lindas! Clique aqui para conhecer as opções da Casinha Bonita

Clique aqui para conhecer os lustres de grande porte da Casinha Bonita

Áreas externas

A iluminação de áreas externas deixa de ser apenas decoração e torna-se um item de segurança. Utilize luzes amarelas perto de paredes com revestimento de madeira e pedras; e luzes mais brancas e azuladas se forem direcionadas para as plantas. Certifique-se de que os objetos de iluminação a serem utilizados podem tomar chuva sem sofrer nenhum dano.

Ambientes conjugados

Quando você tem lado a lado dois ambientes com necessidades de iluminações diferenciadas, como por exemplo uma cozinha com projeto de luz branca e sala de jantar com luz amarela, a melhor opção é utilizar a mesma temperatura de cor para ambos os cômodos, a qual deve ser uma média entre as duas propostas.

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *